terça-feira, 12 de Agosto de 2014

Podia jurar que isto ainda vira moda #2

Há um neutro que tem andado meio adormecido... o bege e as suas nuances.
Naturalmente e preparar caminho para o castanho, que há-de voltar brevemente minhas senhoras, o bege vai voltar em força nas próximas estações.

Como ainda há saldos, que estão naquela fase dos preços muito bons e da pouca oferta, decidi dar aqui um saltinho para vos orientar no "redon" dos Saldos.

Tudo o que ponham os olhinhos que seja bege e que seja remotamente parecido com as peças que sugiro, comprem! É uma maravilha comprar umas calças a €9,99, que quando estiverem em alta só as conseguem comprar pelo triplo do preço.

Next big color... bege.

Combinem com mais bege, num look total, com outras nuances de bege, como o bronze ou o caramelo, com vermelho, com cores pastel e fofinhas como o rosa e o azul, com o branco e claro com o preto, ou ainda melhor com o branco e o preto combinados aos quadradinhos.

Serviço público feito. 
Não têm que agradecer.


sexta-feira, 8 de Agosto de 2014

A Bordallo é LINDA!!

A juntar à tradicional sardinha, a Bordallo Pinheiro lançou recentemente uma nova colecção de 22 sardinhas recauchutadas, muito tugas e todas lindas.


Eu que gosto, muito de "Bordalleira", representações de animais, ainda que sejam só sardinhas, e símbolos portugueses, trazia a colecção toda cá para casa e punha-a na parede da sala, contra a vontade do meu querido marido que já reclamou quando espetei na parede a icónica rã.



Esta última fileirinha são as minhas predilectas.
Atenção, aqui são só imagens em cartão porque em faiança ainda são mais brilhantes e linda.

ÁH sardinha LINDA!!

quarta-feira, 30 de Julho de 2014

Música Papoilar #2

Outro tipo de música que me apanha à primeira é aquela bem romântica e lamecha.
Esta "Stay with me", do Sam Smith, com uma perninha da Mary J Blige, é tudo isso e ainda mais e melhor porque tem 2 excelentes cantores e instrumental maravilhoso...


terça-feira, 29 de Julho de 2014

Bom e barato #1

Melhor do que comprar o último grito da cosmética, por preços que não são para a maioria de nós, e descobrir que tudo o que prometiam está naquele frasquinho de creme ou de batom, é descobrir um pelo terço do preço que funciona igualmente bem.

Eu ando sempre à procura de tesouros desses e de vez em quando lá encontro um.

Se a celulite já é um bicho mais que papão, os cremes para a celulite são o Freddy Krueger da minha vida.

Sou uma total descrente nestes cremes e talvez por isso nunca tivesse experimentado nenhum. Mas o dia chega, em que nos olhamos ao espelho e aquelas promessas dos anúncios já não nos parecem tão... treta.

Sou magra mas a falta de exercício físico dos últimos anos e os pecados gastronómicos também deixam marcas nas magras.

Os pneus na barriga, as bolas nas ancas e a celulite nas coxas, sim, temos isso tudo.

Ia eu a passar no corredor dos cremes corporais no supermercado onde costumo fazer compras, quando me deparei com a oferta... "não são baratos... e se não resulta?! e se experimentar este de marca branca?! €5,35... Se não prestar não perco muito né?!"

E lá peguei no Gel Minceur, da Inell, marca de cosmética do hipermercao E. Leclerc.



Dei-lhe uma oportunidade, comecei a pôr diariamente, umas vezes duas vezes no dia, outras, de maior preguiça, só uma vez. E não é que comecei a ver resultados?! Pois que sim.

Pele mais firme, as ancas menos gordurosas eh eh eh!!! e até os pneus da barriguinha menos volumosos.

Vale a pena experimentar... vai que resulta com vocês também.


segunda-feira, 28 de Julho de 2014

Música Papoilar #2

Lá consegui pôr o meu marido a ver uma série portuguesa, melhor dizendo qualquer coisa portuguesa.

O argumento começou por ser "vamos lá ver a nossa Foz-do-Arelho" na televisão e agora não há episódio que não vejamos.

De brinde ainda ganhei uma paixoneta por uma música que passa na série, do projecto Lena d'Agua & Rock 'n' Roll Station.


Bem fresca e animada. Grande banda e grande voz... sim senhora, sho dona Lena!

segunda-feira, 21 de Julho de 2014

Podia jurar que isto ainda vira moda #1

Anos 90?! Sim, talvez finais quase 2000... teria eu entre 14 e 16 anos, não consigo lembrar-me com muita certeza, quando era gozada porque pintava as unhas de branco. Eu e todas aquelas que seguiam as modas.

"Pintaste as unhas com corrector?!" Era a piada. Melhor do que quando aderi à moda da fita branca na testa...

"Então, partiste a cabeça?!"Observação que, até eu, depois da moda passar, concordava plenamente.

Mas voltando ao verniz branco...

Tantas outras modas de verniz vieram depois mas sempre que dava de caras com um frasco de verniz branco, lembrava-me com saudade daqueles tempos. Porém nunca, até agora, voltei a pensar em usá-lo.

Como a moda pode ser representada por um grande circulo, onde mais cedo ou mais tarde aquela moda que não imaginamos repetir nos vem morder no rabo... hei-lo a chegar... ainda um bocadinho timido, o verniz branco.

Talvez influenciado pela tendência do branco puro nos nossos guarda-roupas, de estilos mais limpos e cortes direitos e por outro lado de estilo mais etéreos, meio fantasiosos a lembrar unicórnios brancos.

EU já comprei e uso o meu...

 

Normalmente compro os vernizes da marca Golden Rose. Baratinhos com imensas cores, e com boa durabilidade, porém nem sempre as cores têm a saturação pretendida.

Sendo a pré-tendência o branco puro (não é bege, nem branco sujo, e também não é translúcido) convém apostar num verniz que saibam que vai ser exactamente branco e opaco.

Um bocadinho como quando vou escolher um vermelho clássico, prefiro investir um bocadinho mais e ter exactamente o resultado esperado.

Assim, escolhi o "blanc" da ESSIE... fácil de aplicar, branco puro e completamente opaco.





Quem já aderiu ou vai aderir?

sexta-feira, 18 de Julho de 2014

Haute Couture a correr - parte 2

Vamos então ao desfile alta costura, Outono/Inverno 2014-15, da casa Valentino.

Já o último desfile da Valentino me tinha deixado de boca aberta, e foi mesmo o meu preferido da semana de alta costura Primavera/Verão 2014. As criações deste estação mantêm mais ou menos o mesmo registo e ainda bem porque continua perfeito.

As criações que mais gostei...

Valentino, Haute Couture, Fall/Winter 2014-2015|8

Valentino, Haute Couture, Fall/Winter 2014-2015|10

Valentino, Haute Couture, Fall/Winter 2014-2015|13

Valentino, Haute Couture, Fall/Winter 2014-2015|16

Valentino, Haute Couture, Fall/Winter 2014-2015|17

Valentino, Haute Couture, Fall/Winter 2014-2015|18

Valentino, Haute Couture, Fall/Winter 2014-2015|20

Valentino, Haute Couture, Fall/Winter 2014-2015|22

Valentino, Haute Couture, Fall/Winter 2014-2015|26

Valentino, Haute Couture, Fall/Winter 2014-2015|28

Valentino, Haute Couture, Fall/Winter 2014-2015|31

Valentino, Haute Couture, Fall/Winter 2014-2015|32

Nitidamente inspirados nos amigos da crise... os gregos. Criações frágeis mas igualmente fortes, de guerreira. Ali com um cheirinho a "Game of Thrones", ou não fosse a série do momento. Lindíssimo. Só os brocados não foram os meus preferidos mas não há nenhuma peça, deste desfile, que eu não usasse.

Então vamos lá a pôr o desfile na prática. Que inspiração roubar à Valentino para as compras da próxima estação? E, até já podem começar a aproveitar o saldos para isso mesmo.

A ver, comprem:

- Branco, muito branco! Sim, mesmo para o Inverno, muito branco.
- Saias e calças compridas e largas de fazenda.
- Casacos de fazenda de linhas simples.
- Brocados simples.
- Preto, muito preto! Para conjugar com o branco ou não...
- Bege... vai voltar em força o bege. Cor que tem estado em stand by há uns anos mas que vai voltar em força. Combinado com o branco... ai ai ai... perfeito!
- Vermelho. Já dizia o Jean Paul Gaultier também.
- Padrões geométricos. Apostem em padrões preto e branco e combinem com cores pastel, como os azuis, rosas e amarelos bébe. 
- Transparências.
- E padrões florais mas em tons mais caramelo, quentes, verdes quase amarelo mostarda, com castanhos avermelhados, a puxar o dourado e o bronze.

A sim... cabelos desgrenhados. O que para a minha trunfa, que só vê pente no banho, é uma excelente noticia.

Amanhã há mais. 
Pela forma como os desfiles me têm surpreendido, lá para o Natal acabo a minha análise à Alta Costura 2014-15 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...